NASCIDOS PARA CORRER !!

Sejam bem vindos.
Espero que este Blog, possa trazer um bom conteúdo, se você chegou aqui é porque temos algo em comum: Amor a Corrida !
Giba Angelucci Junior
junior.angelucci@gmail.com

quinta-feira, 6 de janeiro de 2011

Como não deixar cair o ritmo em uma prova

Ola...
Ótimo material para estudo, só preciso por em pratica ....

Muitos corredores sofrem uma perda de desempenho no meio das competições.
Isto acontece porque no início das competições, somos tomados pela euforia da partida e acabamos por exagerar no ritmo inicial da prova.
No meio da competição sentimos dificuldade em manter o mesmo ritmo da partida.
Mas no final da prova, a emoção da chegada faz-nos acelerar novamente.
Para evitar a perda de desempenho no meio da prova, tente não exagerar no ritmo da partida, e faça um destes dois tipos de treino explicados a seguir, para melhorar o seu desempenho na parte intermediaria da competição :
Faça um treino de 10 a 12 km, uma vez por semana, começando com um ritmo lento nos primeiros 2 km, e depois aumente o ritmo nos próximos 5 ou 6 km (no ritmo que usaria numa competição de 10 km). Depois desta "aceleração", faça o restante do treino em ritmo lento, para relaxar.
Faça uma corrida longa, uma vez por semana, incluindo 3 séries (acelerações) de 1 minuto com um minuto de corrida lenta entre eles. Exemplo: corra 10 minutos em ritmo lento para aquecer, faça 3 séries de 1 minuto (com intervalo de 1 minuto de corrida lenta entre eles), corra mais 10 minutos em ritmo lento, faça outra sequência de 3 séries de 1 minuto, e termine o treino com mais 10 minutos de corrida lenta.
Fazendo um destes dois tipos de treino toda semana, acostuma o seu corpo a mudanças de ritmo, e terá melhores condições de fazer uma boa prova.

2 comentários:

Marluce Fagotti disse...

Valeu pelas dicas Júnior, vou tentar fazer a segunda opção. Bom 2011 e abração, Marluce

Jack disse...

Dicas boas! Porque a perda de rendimento na parte intermediária da prova realmente nos dá um "desânimo" mesmo. E melhorar isso é o sonho de todo corredor, acredito!
Um ótimo 2011 para você, de muitas corridas.